ConteúdoSeminário

Esporte e Tecnologia: A combinação perfeita para grandes resultados

Quando olhamos para as grandes realizações esportivas nos últimos anos, são surpreendentes os feitos alcançados pelos atletas, fazendo jus ao lema Olímpico: “Citius, Altius, Fortius.” – “Mais rápido, Mais alto, Mais forte”.O que normalmente não sabemos, é que por trás desse desenvolvimento esportivo existem muitos fatores envolvidos, e a evolução tecnológica é um dos mais importantes.

Nos últimos anos, a tecnologia vem se mostrando uma verdadeira aliada ao meio esportivo, principalmente nas novas ferramentas de obtenção e análise de dados. Exemplos dessa integração entre tecnologia e esporte são a Seleção da Alemanha e o Liverpool, equipes de futebol que nas últimas competições vêm implementando soluções de Big Date, incorporando a análise de dados em cada decisão tomada relacionada a táticas e negócios. E isso não se restringe apenas ao futebol; a tecnologia vem sendo bastante utilizada também no baseball e no basquete.

Além disso, a obtenção de dados momentâneos sendo processados e transmitidos para os atletas durante as competições seria algo que revolucionaria o esporte. E nesse ponto entrariam as tecnologias de Realidade Aumentada. Imagine, por exemplo, um jogador de Futebol Americano caminhando de volta para o amontoado, e um esboço estratégico da próxima jogada ilustrado em sua viseira, baseado nos dados obtidos e processados durante a partida. Com certeza isso deixaria o jogo mais interessante e competitivo.

Mas até onde vão as aplicações tecnológicas nos esportes?  O que de tão especial é proporcionado por essas tecnologias? Será que elas vão se restringir apenas aos esportes ou poderão ter algum valor para sociedade?

Em seu primeiro seminário como membro do PET-MA, Alexandre Barbaresco responderá essas e outras perguntas sobre os impactos tecnológicos no meio esportivo.